Sul de Minas cresce mais que o Brasil

by

A produção industrial de Minas Gerais alcançou 5,7% de crescimento em fevereiro, média três vezes maior que a nacional. Grande parte desse avanço ocorre no sul do estado, onde várias indústrias estão investindo pesado.

Em Extrema, por exemplo, estão sendo construídas a toque de caixa uma fábrica de chocolate (investimento de R$40 milhões), outra de material esportivo (R$30 milhões) e uma planta industrial de 25 mil m² para produção de estruturas metálicas (R$70 milhões). Em julho, chega à cidade uma linha de montagem de motocicletas. Serão criados cerca de 500 empregos neste ano.

A cidade também vem fazendo investimento noutro tipo de indústria, a turística. Boas opções de esportes radicais e de hotéis-fazenda garantem um faturamento a mais na prestação de serviços. Extrema também foi escolhida para sediar a etapa anual do campeonato nacional de vôo livre que era tradicionalmente realizada na quase vizinha Cambuquira.


%d blogueiros gostam disto: