Notas

by

POPULAÇÃO INSATISFEITA CERCA PREFEITURA

Moradores de Carmo de Minas, no sul do estado, foram às ruas ontem (26) em protesto contra a administração do prefeito Yuri Vaz de Oliveira (PMDB). Os manifestantes reivindicam melhorias no serviço de saúde do hospital e PSF, normalização do abastecimento d’água, reativação da rodoviária, criação de creches e transporte rural. Yuri Vaz é também presidente da Amag – Associação dos Municípios da Microrregião do Circuito das Águas.

FALTA DE DINHEIRO FECHA CLÍNICA DE DROGADOS

Após nove anos de tratamento gratuito a 544 viciados do Sul de Minas, o Centro de Tratamento de Dependentes Químicos de Caxambu – “Recanto Caminho da Esperança” fechou as portas. Veja mais no Noticiarama.

TRÊS CORAÇÕES É CAMPEÃ DE HOMÍCIDIOS

A terra do Pelé tornou-se a cidade mais violenta do Sul de Minas, com média de 27,7 mortos por ano, revela o Instituto Sangari. Em quatro anos, os assassinatos cresceram 566 %. As vizinhas Alfenas (70%) e Campo Belo (333%) também se destacam negativamente.

TRÊS NOTÍCIAS BOAS DE CAMBUQUIRA

1 – O seminário Atividade Física 100% Livre do Tabaco, realizado em Cambuquira, ganhou destaque no Portal da Secretaria da Saúde de Minas Gerais. O evento concentrou representantes de todos os municípios da Gerência Regional de Saúde de Varginha, incluindo Lavras, Baependi, Campanha e cidades próximas.

2 – Moradores do bairro Carioca estão felizes porque o Serviço de Água e Esgoto da prefeitura resolveu a grave deficiência de abastecimento que ocorria há anos. Na região das mansões e do IPTU mais caro da cidade, agora basta abrir a torneira que o líquido corre. Todo dia.

3 – O asfaltamento “meia-sola” feito pela prefeitura no ano passado em várias ruas do bairro Marimbeiro foi corrigido, e as guias e sarjetas, refeitas. Voltou a ter aparência civilizada.

FEIRA DO LIVRO EM POÇOS DE CALDAS

A 5ª Feira Nacional do Livro de Poços de Caldas e o 4° Festival Literário (Flipoços) tiveram início sábado (24) e irão até domingo (02), no Espaço Cultural da Urca. Entre outros, passam por lá os escritores Marcio Souza, Padre Zezinho, Lobão, Fernanda Takai, Moacir Scliar e Rubens Ewald Filho.

PIOR TERREMOTO É MINEIRO

O tremor de 4,9 graus na escala Richter ocorrido esta semana na Amazônia, sem vítimas, foi parecido com o de 2007 em Caraíbas, MG. Como o abalo em Minas causou uma morte, é considerado o mais grave do Brasil até hoje. O tremor de maior magnitude (6,2 graus) aconteceu em 1955, no Mato Grosso.


%d blogueiros gostam disto: