¿ Por qué no te callas ?

by

Volta e meia reaparece na internet um blog cujo afetado redator se mete a dar palpites óbvios e fazer críticas equivocadas sobre a administração de Cambuquira, no Sul de Minas. A última bobagem foi defender – novamente! – com unhas e dentes a implantação da estatal Copasa para fornecimento de água tratada. Absurdo! O blogueiro deveria se limitar a continuar publicando fotos e fatos históricos da cidade. Não vá o sapateiro além dos sapatos. Cappice?

Vamos falar sério: a administração passada (PSDB) em Cambuquira foi medonha. O sr. Marcus Vinícius não demonstrou capacidade para gerir nem carrocinhas de cachorro-quente. A decadência da cidade acelerou rápido na gestão dele, e por pouco a Copasa não se instalou por lá. Também é dele – e será para sempre – o vergonhoso título de prefeito que acabou com o vôo livre em Cambuquira (uma trama sombria e mal sucedida que entregou o Pico do Piripau para assessores e parentes).

Antes, outro prefeito também arruinou a cidade com seus desmandos e atuações ilícitas, a ponto de ser réu condenado em dezenas de processos na Justiça. O curioso é que, apesar dos delitos, ele obteve a fama de ter sido um prefeito “que faz”, e muita gente na cidade votaria nele hoje. Graças a Deus – e ao Ministério Público – ele perdeu os direitos políticos e não poderá concorrer tão cedo.

Embora eu realmente desaprove a maneira de o PT fazer política – arrogância, favoritismo, empreguismo, malversação de recursos e, frequentemente, muita ignorância – é justo reconhecer que o mandato petista atual está muito longe de ser o prometido na campanha eleitoral e absolutamente distante das reais necessidades de Cambuquira; entretanto e por enquanto, é o melhor (menos pior) dos três citados.

Pesam contra a administração do sr. Kaka (PT), principalmente, a incapacidade de articular com as opiniões divergentes, a tendência a ser a “sabe-tudo”, a “mais esperta” e a incapacidade de ouvir e ponderar. E nisso perde muito, pois poderia converter opositores em aliados e receber alguma ajuda, pelo menos.

Que pena. Até teria sido uma opção para 2012.


%d blogueiros gostam disto: